Zivkovic não quer sair e ‘ameaça’ ficar sem jogar até final do contrato

Sem qualquer minuto oficial somado na presente temporada, Andrija Zivkovic é, neste momento, um dos casos mais ‘bicudos’, não só para Bruno Lage, como, especialmente, para a direção do Benfica.

Segundo escreve, este domingo, o jornal Record, o internacional sérvio e o seu representante (e pai), Jovica Zivkovic, terão rejeitado, até agora, todas as hipóteses de saída que foram colocadas em cima da mesa.

Isto porque, escreve a publicação, o avançado sabe que terá mais a ganhar do ponto de vista financeiro se permanecer na Luz, mesmo que sem jogar, até junho de 2021, quando termina o atual contrato.

O vínculo do jogador estipula um vencimento crescente a cada nova temporada. Neste momento, aufere três milhões de euros brutos por ano, um valor que irá ‘disparar’ para perto dos cinco milhões de euros anuais em 2020/21.

Além disso, Andrija Zivkovic sabe que, se aguardar, pelo menos, até janeiro de 2021 – quando se poderá comprometer a ‘custo zero’ com qualquer outro clube, o que significa que terá direito a um prémio de assinatura mais elevado.

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com

Partilhar:
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter