Revolução no setor defensivo do Manchester United?

José Mourinho já sofreu com umas valentes dores de cabeça no último mercado de transferências, mas o técnico português tem outra tarefa importante para resolver num futuro próximo.

Dos 26 futebolistas que fazem parte da equipa principal do Manchester United, 11 deles estão em final de contrato, e 7 destes são defesas. Um sector que tem sido muito criticado pela imprensa inglesa apesar de ser dos que Mourinho mais reforçou desde a chegada em 2016: Bailly, Lindelöf, Diogo Dalot e Lee Grant foram contratados pelo português. Em final de contrato estão os laterais Valencia, Young, Shaw e Darmián, bem como os centrais Smalling e Phil Jones e não se pode esquecer, naturalmente, a figura maior: De Gea.

Ainda assim, a maior parte dos defesas do United estão em final de contrato e Mourinho até poderá ver nesta situação uma oportunidade para… revolucionar o sector, ainda que tal obrigue a várias contratações, algo a que os responsáveis dos ‘red devils’ não se mostraram muito dispostos neste verão.

Partilhar:
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter