“Jesus não me considerava suficientemente bom para jogar no Benfica”

Bernardo Silva, internacional português do Manchester City, mas formado no Benfica, em entrevista, assumiu que gostaria de voltar ao clube da Luz, mas, sobretudo, que não mantém boa relação com Jorge Jesus, técnico que o ‘obrigou’ a deixar Portugal.

“Ele não me considerava suficientemente bom para jogar no Benfica, mas não há problema. Tive de encontrar outra forma de seguir em frente. Não tenho nenhum problema com ele mas não somos amigos”, começou por referir o jogador.

“Quando saí quis provar-lhes que eles estavam enganados. Isso acabou por motivar-me ainda mais”, atirou o jogador do emblema inglês.

“Penso que pelo que fiz no Monaco, no Manchester City e na Seleção Nacional as pessoas reconhecem-me valor em Portugal. Um dia gostaria de voltar ao Benfica, há um vazio por preencher. Eu era um miúdo com o sonho de jogar pelo seu clube e foi duro não ter conseguido concretizá-lo. Mas eu tive de tomar decisões e não me arrependo de nada”, sentenciou sobre o tema.

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com

Partilhar:
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter