Polémica no The Best: FIFA explica votos não contabilizados para Salah

A FIFA rejeitou os votos do selecionador e do capitão do Egito o prémio The Best 2019. Os votos de nota máxima tinham sido direcionados para Mohamed Salah e acabaram por não ser contabilizados por estarem escritos na íntegra com letras maiúsculas.

O organismo que tutela o futebol mundial afirmou que “não pareciam autênticos” os boletins de voto e que também não tinham sido assinados pelo secretário-geral da Federação Egípcia de Futebol.

Recorde-se que nenhum dos votos do capitão e do selecionador do Egito foram contabilizados. Mohamed Salah terminou no quarto lugar da votação, atrás de Messi (1.º) Van Dijk (2.º) e Cristiano Ronaldo (3.º).

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com

Partilhar:
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter