“Fui muito desrespeitado no Sporting”

Douglas chegou ao Sporting em 2016/17, proveniente do Trabzonspor, mas acabou por sair de Alvalade pela porta pequena. Acusou doping num controlo em 2017 e o clube rescindiu o contrato um ano depois. O central brasileiro, que admite ter consumido um diurético, conta numa entrevista ao site ‘Goal’ que o clube de Alvalade e o próprio Jorge Jesus não o trataram bem.

“Saí do Trabzonspor por causa de um projeto que me foi oferecido pelo Sporting. Não fui para o Sporting para ganhar dinheiro, até porque na verdade abri mão de mais de 500 mil euros por ano. Fui para Portugal para fazer história com a camisa do Sporting”, explicou o central. “Quando cheguei, muita gente disse que eu estava acima de peso. De facto, cheguei acima do peso. O Jorge Jesus, no entanto, sabia da minha condição física, visto que eu não tinha participado da pré-temporada do Trabzonspor. Recuperei o peso ideal num período de quatro a cinco semanas. O próprio Jesus elogiou-me pelo esforço, mas ainda assim pediu para que eu perdesse mais alguns quilos. Mas, no geral, ele estava satisfeito. Esforcei-me, fiz de tudo… Mas não demorou muito tempo para o Sporting não ser leal comigo e não cumprir o projeto acordado.”

Partilhar:
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter