Bernardo Silva acusado de “má conduta” pela Federação Inglesa

Bernardo Silva foi formalmente acusado, esta quarta-feira, pela Federação Inglesa (FA) de “má conduta” depois da publicação polémica nas redes sociais.

“Bernardo Silva foi acusado de má conduta por quebrar a regra da FA E3 em relação a uma publicação nas redes sociais no dia 22 de setembro de 2019”, afirmou em comunicado a ‘Football Association’.

Segundo a Federação, a publicação de Bernardo quebrou as regras E3 (1) – “insulto ou impropério que traga descrédito ao jogo” e a regra E3 (2) – “incluí referência, de forma expressa ou implícita, à raça, cor, ou etnia”.

O jogador tem agora até ao dia 9 de outubro para responder à acusação.

Nesta altura é ainda incerto qual poderá ser o castigo a que Bernardo Silva poderá estar sujeito.

De acordo com a Sky Sports, se a situação tivesse acontecido em campo (insulto durante o jogo) o castigo poderia ir até seis jogos de suspensão, mas a publicação aconteceu fora de campo, pelo que a Federação Inglesa fará uma recomendação de castigo que terá de ser decidida por um painel independente.

De recordar que o jogador já tinha dirigido uma carta à Federação na qual lamentou qualquer ofensa causada pelo ‘tweet’.

Pep Guardiola e Raheem Sterling sairam em defesa do internacional português alegando que tudo não passou de uma brincadeira entre amigos.

O caso remonta a 22 de setembro, quando Bernardo Silva fez uma publicação na rede social Twitter com uma imagem de Mendy em criança e ao lado o logótipo da marca de chocolates ‘Conguito’ acrescentando a pergunta “Quem é quem?”.

Apesar de Mendy ter levado a publicação na brincadeira, surgiram várias criticas e o jogador português pode agora ver-se castigado.

Fonte: https://sapo.pt

Partilhar:
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter