Alan sobre o Benfica: «Se fosse noutro país, descia de divisão»

Atual diretor das relações instituicionais do SC Braga, Alan deu uma entrevista ao semanário Expresso onde abordou um dos temas que marca a atualidade: o caso E-toupeira. O antigo jogador bracanse acredita que os encarnados não vão sofrer consequências de maior.

«Se fosse noutro país, descia de divisão, como a Juventus em Itália. Mas não acredito nisso, mesmo que se prove tudo. São muitos “torcedores” e investidores», explicou.

Alan revelou ainda vários casos de racismo e destacou um caso que ocorreu num encontro frente ao Benfica, onde recebeu umas palavras menos corretas de Javi García.

«Nesse jogo, o Javi García chamou-me ‘preto’ e ‘macaco de m…’. O que nunca disse a ninguém foi que ele me disse ao ouvido que queria ver a minha família morta num acidente de carro. Na altura fui falar com Jorge Jesus e ele acabou por me pedir desculpa», concluiu.

Partilhar:
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter